Smetak – O Alquimista do Som

Smetak – O Alquimista do Som apresenta as “Plásticas Sonoras”, os instrumentos, partituras e objetos pessoais do artista, como a medalha da Ordem do Mérito Cultural* que ele recebem (in memoriam) do Ministério da Cultura. Para Daniel Rangel, Diretor de Museus do IPAC, a originalidade de Smetak é claramente percebida nas obras que ele produzia, pois, além de uma imensa riqueza estética, elas são peças únicas. “Realizar esta exposição é reconhecer a importância histórica e estética da obra de Smetak. Ele foi um grande mestre, realizando uma renovação nas artes e influenciando toda uma geração de grandes músicos e artistas. Por suas experimentações sonoras e plásticas, Smetak fundiu elementos da cultura popular com outros da cultura erudita, provocando algo completamente novo, tanto para a sua época, quanto para os dias de hoje. Smetak continua único, sem igual”, finaliza.

Por este motivo, Smetak – O Alquimista do Som – que tem projeto expográfico de André Vainer e organização de Daniel Rangel e Barbra Smetak – prevê a exibição deste acervo em sua totalidade. Agora, a obra do “velho mago”, como Smetak era conhecido, será exposta no mesmo prédio que abriga, entre outros acervos, as peças de arte popular reunidas pela arquiteta italiana entre as décadas de 50 e 60. Smetak e Lina fizeram parte do grupo de artistas e intelectuais da vanguarda européia que aqui aportaram em meados do século XX, contribuindo para a construção de um dos momentos mais ricos da história cultural do nosso estado, e que influenciaram movimentos importantes, a exemplo do Tropicalismo e do Cinema Novo.

O que: Exposição Smetak – O Alquimista do Som – Permanente
Visitação: terça a sexta, das 12h às 18h; sábados, domingos e feriados, das 12h às 17h
Entrada: grátis
Endereço: Centro Cultural Solar Ferrão – Rua Gregório de Matos, 45, Pelourinho, Salvador-BA (71) 3116- 6743

©2017 SSAUP Salvador Update - Desenvolvido por AZUL DESIGN(ERS)

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?