Editora Corrupio lança Sángò, de Juana Elbein dos Santos e Mestre Didi

Editora Corrupio lança no dia 24 de fevereiro, na Livraria LDM (Espaço Unibanco de Cinema Glauber Rocha, Praça Castro Alves), das 18h às 21 horas,  o livro Sángò, da antropóloga Juana Elbein dos Santos e de Deoscoredes Maximiliano dos Santos, Mestre Didi Asipá (1917-2013). Com esse volume, dedicado ao orixá Xangô (com capa dura e 76 páginas, impressas em papel couché), a editora conclui a edição de livros assinados pelo casal que inclui os volumes  Èsù (2014) e Arte Sacra e Rituais da África Ocidental no Brasil (2015), com apoio financeiro do Fundo de Cultura do Estado da Bahia.

Os textos tratam do orixá do panteão nagô, cultuado em comunidades-terreiros brasileiros,  associado à justiça, ao fogo e ao trovão. “Xangô, ao mesmo tempo, resume toda a ancestralidade e todo futuro, todo princípio de virilidade. Ele representa do conceito que  emerge tudo o que o ser humano é: guerra, violência, destruição, mas também família, amorosidade, carinho, bem-querer. Porque nós somos tudo isso que Xangô é”, afirma Juana.

Várias dimensões do herói mítico e dinástico são abordadas no livro: Xangô como o quarto rei de Òyó, (Nigéria);  como símbolo de realeza  e da continuidade de linhagens, bem como o orixá filho de Yemanjá. Os autores apresentam e interpretam mitos, orikis, fabulações e descrevem  suas oferendas e emblemas, como o osé (machado de duas lâminas), as pedras de raio e  a gamela, entre outros. A relação entre o “Rei” e suas esposas (Obá, Oxum e Oyá) também integram o que a autora chamou de Linha do Tempo.

Os textos de Sángò foram escritos em vários momentos da existência da antropóloga, que foi casada com Mestre Didi por 50 anos. E, assim como revelam a continuidade do seu interesse e respeito pela visão de mundo nagô, também são um testemunho da convivência do casal, no Brasil e na África, com passagens encantadoras e epifanias.

Criatividade – Doutora em Antropologia pela Universidade de Sorbonne – Paris V, em 1972, com a tese que originaria o clássico Os Nagô e a Morte (1975), Juana imprime em Sángò a criatividade que a anima hoje: “Não sou cientista, muito ao contrário, sou uma criadora e uma criadora permanente. Acho que os milhões de células que se reproduzem em nós, essa criatividade enorme que nosso corpo é, reproduz um pouco o que acontece no cosmo”.

Essa criatividade também se expressa na própria realização do livro, desde a paginação a outras peculiaridades sugeridas pela autora e acatadas pela Corrupio, a mais antiga editora em atividade na Bahia, reconhecida pela edição de obras fundamentais da cultura afro-basileira, que completa 36 anos em 2016.

Em parte, os textos de Sángò foram escritos, como Juana afirma, para “alcançar e divulgar a sabedoria vivenciada, mas nunca pronunciada” pelo marido, que também foi Sumo Sacerdote  do Culto aos Ancestrais, fundador do Ilê Asipá e escultor. “Didi foi a pessoa mais nobre que conheci na vida”, sintetiza ela, que é de origem judaica e agnóstica; e Mestre Didi,  filho da lendária ialorixá Mãe Senhora, do Ilê Axé Opô Afonjá, da linhagem de Oba Tosi, que implantou o culto a Xangô no Brasil.

O livro conta com imagens de manuscritos da antropóloga, arte de Mayra Lins sobre foto de Mestre Didi e fotografias de Pierre Verger que retratam sacerdotes de Xangô na Nigéria e no Benin.  Também integram o volume textos de acadêmicos como o antropólogo nigeriano Wande Abimbola (Universidade de Ife) e do linguista  Olabiyi Babalola Yai, escritos após o falecimento de Mestre Didi, que vinculam a linhagem do Sumo Sacerdote e artista a Xangô. A autora optou por manter o título e algumas expressões do livro em Nagô para ser fiel ao “profundo legado civilizatório” das etnias que realizaram a continuidade transatlântica do culto aos orixás.

LANÇAMENTO DO LIVRO SÁNGÒ, DE JUANA ELBEIN DOS SANTOS E MESTRE DIDI
Livraria LDM – Espaço Unibanco de Cinema Glauber Rocha
Praça Castro Alves, s/n, Centro, Salvador | (Telefone: 71 3013-4759)
24 de fevereiro, quarta-feira, das 18h às 21 horas

FICHA TÉCNICA:

Sángò
Editora Corrupio
Páginas: 76 p.
Preço: R$ 70,00

 

http://www.editoracorrupio.com.br/

©2017 SSAUP Salvador Update - Desenvolvido por AZUL DESIGN(ERS)

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?