Movido pela paixão à cultura africana, Terciliano Jr. volta a expor na Bahia

Orixás, guias, instrumentos, adereços. São estes alguns dos elementos simbólicos da liturgia ancestral da religiosidade afro-brasileira que marcam a obra de Terciliano Jr., que está de volta a sua terra de origem com a exposição Matriz Africana em Arte, no Museu Afro-Brasileiro da Universidade Federal da Bahia (Mafro). O vernissage acontece nesta sexta-feira (29), às 18 horas.

A mostra reúne trabalhos do artista em diversas técnicas: acrílica sobre tela, papel e madeira. Dono de pinceladas fortes e coloridas, o autor de mais de 500 obras domina leveza e a singularidade nos traços que resultam na união de arte e Candomblé. Sem dúvida, um legado para a cultura baiana.

No salão, um conjunto de 17 telas, 9 esculturas em madeira e 13 trabalhos em papel, selecionados por Graça Teixeira. “Terciliano Jr. é herdeiro de um conhecimento milenar, com um olhar atento, guia as suas mãos para nos presentear com composições que podem nos levar à reflexões sobre questões contemporâneas relativas a tensões no âmbito da diversidade. Assim, a obra de Terciliano Jr. nos brinda com estética, beleza e conhecimento”, elogia a curadora.

O artista – Terciliano Jr. nasceu em Salvador. É sobrinho do Babalorixá Bernardino Bate Folha (fundador do Terreiro do Bate Folha). A origem o transformou num observador da afro-religiosidade, levando para sua arte o resultado de um olhar atento e minucioso sobre a beleza da cultura de matriz africana.

Ao longo de sua carreira, iniciada nos cursos livres da Escola de Belas Artes da Ufba, Terciliano Jr. realizou mais de 300 exposições individuais e coletivas no Brasil, nos Estados Unidos e na Europa, sendo reconhecido pela Academia de Artes, Ciências e Letras de Paris em 2008, pela relevância de seu trabalho.

Morou por 10 anos nos Estados Unidos, onde tem obras em coleções particulares, museus e escolas de Belas Artes. “Voltar a expor em Salvador após tantos anos, me emociona. Poder abrir essa exposição nos 70 anos da UFBA é um presente para qualquer artista”, comemora o artista.

Exposição: Terciliano Jr. – A Matriz Africana em Arte
Onde: Museu Afro-Brasileiro/Ufba – Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia, s/n – Terreiro de Jesus
Quando: de 29 de julho a 23 de setembro de 2016
Dias e horários: segunda a sexta, das 9h às 17h
Vernissage: sexta-feira, 29 de julho, às 18
Entrada franca

©2018 SSAUP Salvador Update - Desenvolvido por AZUL DESIGN(ERS)

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?